Efemérides: Jornalistas, pluralismo e democracia


O respeito ao pluralismo de idéias e de opiniões é tão fundamental as boas práticas do jornalismo, que até o Dia dos Jornalistas é comemorado no Brasil em seis datas diferentes.

João Baptista Pimentel Neto*

João Baptista Pimentel Neto. Perfil DiálogosPesquisa realizada sobre essa data comemorativa aponta que o Dia dos Jornalistas é comemorado no Brasil em pelo menos seis datas diferentes: 24 de janeiro, 29 de janeiro, 16 de fevereiro, 7 de abril, 3 de maio e 1º de junho.

anuncio_dia_do_jornal.jpgA pesquisa considerou informações disponibilizadas em mais de cem sites diferenciados, jornais, revistas e na obra “História da Imprensa no Brasil”, de Nelson Werneck Sodré, que apresenta um histórico a imprensa no Brasil e apresenta vários acontecimentos relacionados a todas as datas acima referidas.

Confira:

24 de janeiro – Data do padroeiro da profissão, São Francisco de Sales (bispo e doutor da Igreja Católica) para homenagear os profissionais do jornalismo.

29 de janeiro – A data é, de longe, mais citada nos calendários comemorativos brasileiros mas, ao mesmo tempo, a que menos tem referências à sua criação. As informações vão desde uma homenagem ao jornalista e abolicionista José do Patrocínio (que teria falecido, nesta data, em 1905) até sendo uma data exclusivamente católica.

16 de fevereiro – Dia do Repórter. Ao contrário do que o senso comum, repórter não é sinônimo de jornalista. A função de repórter é apenas mais uma das que os jornalistas podem exercer.

07 de abril – Foi instituído pela Associação Brasileira de Imprensa em homenagem a João Batista Líbero Badaró, médico e jornalista, que morreu assassinado por inimigos políticos, em São Paulo, em 22 de novembro de 1830. O movimento popular gerado por sua morte levou à abdicação de D. Pedro I, no dia 7 de abril de 1831. Um século depois, em 1931, em homenagem a esse acontecimento, o dia 7 de abril foi instituído como o “Dia do Jornalista”.

03 de maio – Pode ser considerado o Dia do Jornalista por ser a data da Liberdade de Imprensa, decretada pela ONU em 1993.

01 de junho – Dia da Imprensa que durante 192 anos foi comemorado, erroneamente, em 10 de setembro (atribuía-se à Gazeta do Rio de Janeiro, jornal oficial do Império, ser o primeiro jornal brasileiro). No Brasil, a Imprensa surge em 1808, quando passou a circular, em 1º de junho, o “Correio Braziliense”, editado em Londres por Hipólito José da Costa Pereira Furtado de Mendonça.

E viva a Democracia!!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s