Eduardo Jorge, maturidade, ética e outras velhas bandeiras do PV

Marvada Carne*
 
João Baptista Pimentel Neto. Perfil DiálogosGostei muito da participação de Edurado Jorge no debate da Band. Que felicidade em ver e ouvir um candidato do Partido Verde defender causas e posições que levaram-me décadas atrás a ingressar no PV. Aliás, gostei tanto que decidi que nestas eleições votarei e farei campanha para o 43 de ponta a ponta. 
 
Eduardo Jorge
Eduardo Jorge, médico e candidato do PV à Presidência da República.
Ontem fiquei sabendo que o candidato a Presidência da República pelo Partido Verde, para a minha alegria, voltou a ser o porta-voz de posicionametos firmes e claros do PV avoráveis à Reforma Polítca; ao Parlamentarismo; ao Financiamento Público de Campanha; à Democratização dos Meios de Comunicação,à Democracia Participativa, ao Voto Facultativo, à Legalização do Aborto; à Descriminalização das Drogas Leves; entre outros temas de menor importância, mas que sinalizam que não só o candidato, mas o Partido, tem lado na política. O lado do povo.
 
Infelizmente, quer por conta do formato, quer por conta da absoluta falta de interesse dos outros candidatos e da mídia, alguns temas importantes da “Agenda Verde” deixaram de ser abordados.
 
Cultura, Povos Indígenas, Amazônia. Integração Latino Americana. Sustentabilidade, Reforma Agrária e Urbana e até mesmo, as tão em moda e urgentes questões sobre, Mobilidade, foram simplesmente esquecidas por todos os candidatos e jornalistas participantes.
 
Mas o que esperar de uma campanha financiada pelas corporações senão que o debate seja centrado nas questões da tal “macroeconomia” e numa, discreta e bem comportada, troca de farpas entre os candidatos previamente treinados pelos marketeiros de sempre, escolhidos pelas máquinas partidárias e, previamente escolhidos e apoidados, pela grande mídia porta-voz do mercado e de interesses transnacionais e pelas corporações.
 
Neste contexto,infelizmente,muito provavelmente, após esta eleição, seja qual o eleito: “Vamos continuar vendo, candidatos que se comprometeram com uma reforma política e, quando eleitos, só mantém os compromissos com alianças e com aqueles que financiaram campanha milionárias.”, conforme vaticinou o candidato do PV.
 
14198464“Paz e amor é uma ideia defendida pelo John Lenon. O PV é contra o genocídio, a guerra. Quem pensa assim é o Partido Verde. É um partido pequeno, mas tem ideias grandes. É um partido necessário para o século 21. Nos deem força e elegam os parlamentares do PV.”
 
 
Viva a Vida
Viva o Partido Verde!
 
Tome Partido!
Partido Verde!
Eduardo Jorge

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s