Gaza > Horrores, crueldades, geopolítica e o imperialismo sionista

Marv@da C@rne*

túnel do tempoPalco de horrores e crueldades inimagináveis, o território Palestino e especialmente, a Faixa de Gaza – que ocupa uma área inferior a milhares de metrópoles espalhadas pelo mundo – novamente, como ocorre desde 1948, quando da “criação” do Estado de Israel, novamente é o principal cenário de disputas geopolíticas mundiais.

palestina00 sulTal realidade é um prato cheio para ação dos grandes oligopólios e corporações midiáticas globais, que encontram o cenário e ambiente adequados para praticar seu “esporte” predileto e aprimorar seus métodos para espalhar a desinformação e deformação da opinião pública.

Neste contexto, nada mais adequado à imprensa alternativa e todos aqueles que combatem estes poderosos inimigos da paz e justiça social, do que publicar e compartilhar notícias, imagens, artigos, análises, enfim, informações independentes e confiáveis acerca do que realmente acontece naquela região.

Neste sentido e com este objetivo é que o Marv@da C@rne reuniu neste post links de algumas publicações sobre o tema veiculadas pela Revista Diálogos do Sul, apresentado fatos. informações, imagens e opiniões que você não encontra na grande mídia.

Afinal, outra mídia e outros olhares ainda são possíveis…Mesmo que sobre Gaza!

Leia, reflita e compartilhe!

*João Baptista Pimentel Neto, o Marv@da C@rne

Gaza, outra vez Gaza!
Paulo Cannabrava Filho*

Paulo Cannabrava Filho. Perfil Diálogos Novo“Acordei esta manhã ouvindo um comentarista de uma radio xingando os palestinos do Hamas de terroristas e delinquentes. Como é possível tal disparate? Será mesmo brasileiro o tal comentarista? É impressionante o apoio da grande mídia a Israel. Culpam os palestinos pelo conflito sem considerar que eles foram expulsos de seus lares. Enquanto isso, em quase todo o mundo os povos se manifestam nas ruas contra o genocídio de palestinos praticados pelo Estado Sionista de Israel. Em Londres, Paris, Nova York e até mesmo em Tel-Aviv, melares de pessoas protestam contra a agressão de Israel, sendo que na capital do sionismo foram fortemente reprimidas.”
Continue lendo

Gaza, a multiplicação do terrorismo
Eduardo Galeano*

Para justificar-se, o terrorismo de Estado fabrica terroristas: semeia ódio e colhe pretextos. Tudo indica que esta carniceira de Gaza, que segundo seus autores quer acabar com os terroristas, conseguirá multiplica-los. Desde 1948, os palestinos vivem condenados a humilhação perpétua. Não podem nem respirar sem permissão. Perderam sua pátria, suas terras, sua água, sua liberdade, tudo. Neste cenário, merece registro que Israel é um país que jamais cumpriu com as recomendações nem as resoluções das Nações Unidas. De onde vem a impunidade com que Israel está executando a matança de Gaza? A chamada comunidade internacional, existe? É algo mais que um clube de mercadores, banqueiros e guerreiros?
Continue lendo…

Pela paz
Rosemberg Cariry*

Rosemberg Cariry1Diante do quadro de horrores que sofre o povo palestino em Gaza, bombardeado por terra, ar e mar, podemos ver com clareza que vivemos uma crise civilizatória sem precedentes, mas também, que sempre é possível fazer alguma coisa, posto que ainda nos restam fiapos de esperanças e de humanidade. Quem sabe milhões de crianças mortas pelas guerras não estejam batendo em nossas portas, pedindo o gesto de uma assinatura pela paz para que outras crianças possam viver. Elas querem que as crianças que ainda não arderam e foram estilhaçadas pelas bombas possam jogar bola, cantar cantigas de roda e chupar bombons. “Bato à vossa porta, tio, tia: Peço-lhe uma assinatura. Não matem as crianças e deixem que elas possam também comer bombons.
Continua…

A dor de ser e não ser judia
Natalia Keller Trajber*

Os que conhecem minha história sabem de minha origem judaica, origem esta que embora não seja oficialmente reconhecida, pois não nasci de ventre judeu, marca (assim como outros tantos elementos) a constituição do meu ser, em função principalmente da história de sofrimento e luta do povo judeu que se desdobrou, mais tarde, em outras tantas lutas…Dor!! Dor é o que sinto!! Sinto dor por todos os lados, por todos os poros e por todas as perspectivas!!! Deste conflito não pode sair nada de bom, nada de construtivo, pois temos humanos matando a humanos, irmãos matando irmãos; Defendo o diálogo e o respeito mútuo como única perspectiva de convivência, de sobrevivência e de desenvolvimento destes dois povos!! Desejo a paz para todos!!! Continua…

 

Uma imagem
IPS*

childrem
Apenas um pequeno efeito colateral…

Um cartum
Latuff*

Contagem progressiva…

Uma Arte Eletrônica
tt Catalão*

tt Catalão
#SymplesAssym. WebArte de tt Catalão.

Dois Vídeos
Cinemateca Diálogos do Sul*

#DesnecessárioLegendas
O que os judeus ortodoxos pensam…

 

Uma Pergunta Que Não Quer Calar
Por que os mortos de Israel tem nomes e os Palestinos são apenas números?

Um comentário em “Gaza > Horrores, crueldades, geopolítica e o imperialismo sionista

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.